Enroladeiras

Enroladeiras

Os rolos onde são enrolados os papéis no final da máquina, são chamados estangas.

Fazer orçamento

Descrição técnica

Nas estangas os papéis são enrolados e após atingir o diâmetro programado esta grande bobina de papel é transferida para a rebobinadeira para ser cortada conforme o diâmetro e comprimento requerida pelo cliente.

As estangas voltam a ficar vazias (sem papel) e necessitam serem transferidas para a enroladeira para um novo ciclo.

Este ciclo de bobinas/estangas pode ser executado manualmente como uso de pontes rolantes, monovias ou outro artifício, ou pode ser parcialmente ou completamente automatizado.

A automação parcial consiste em depósito para as estangas vazias que as recebe de forma manual mas as coloca na enroladeira de forma automática para início de enrolamento.

A automação completa consiste em automatizar o ciclo inteiro, desta forma as bobinas são conduzidas para a rebobinadeira pneumática ou hidraulicamente e após as estangas estarem vazias as mesmas são elevadas e conduzidas para o depósito sobre a enroladeira, esperando sua vez para retornar ao processo, sem intervenção do operador.

Aplicação

O uso de acumuladores e retornadores de estangas é indicado para todas as enroladeiras pois retiram a necessidade de intervenção das pessoas que manuseiam a máquina, evitando até mesmo acidentes, batidas com danos pessoais embora o dano mais comum é o físico causado por batidas na movimentação.

Características e Vantagens 

Os acumuladores e retornadores de estanga Ippel são robustos, confiáveis, e se integram perfeitamente às enroladeiras e desenroladeiras Ippel.
Acionados hidraulicamente, necessitam pouca manutenção.

Veja também

Cortadores de Ponta

Máquinas

Cortadores de Ponta

Ver mais
Prensas de Sucção

Máquinas

Prensas de Sucção

Ver mais
Prensas Úmidas

Máquinas

Prensas Úmidas

Ver mais
Calandras

Máquinas

Calandras

Ver mais